O que os homens precisam saber sobre ’50 Tons de Cinza’

Não vou escrever sobre o filme. Isso já foi feito ontem, perfeitamente, pela colega Barbara Gancia, em sua crítica na Ilustrada. Não fui e não pretendo ir ao cinema. Ler o livro já foi tortura suficiente. Na metade dele, eu queria ser amarrada, amordaçada e levar uns petelecos. Quem sabe assim, perderia a vontade de dormir. Que tédio.

50 tons

O livro é de uma chatice sem fim –além de ser repetitivo e mal escrito. Mas ele revela coisas sobre as mulheres que não têm nada a ver com sexo, nem com quartos escuros, algemas e chicotes. É a mensagem por trás da sacanagem soft porn que explica os 100 milhões de exemplares vendidos e o frenesi em torno de sua estreia nas telonas.

Vivemos num tempo em que vale tudo no sexo. Tem maluco que gosta de comer cocô, outros de levar uma golden shower. Festinha sadomaso tem página no Facebook. O que “50 Tons de Cinza” mostra não é novidade pra ninguém, ao menos na teoria.

Para ler mais, clique:
O que os homens precisam saber sobre ’50 Tons de Cinza’

Sobre mariliz pereira jorge

Sou jornalista, moro no Rio, mas vivo com um pé – e metade do coração – em São Paulo, onde morei até maio de 2012. Adoro o cheiro do aeroporto, de andar em calçadas desconhecidas, de ouvir línguas que não entendo! De dançar até as pernas cansarem e de dar risada até a barriga doer… Não vivo sem Coltrane, cerveja gelada e sorvete no inverno. Adoro gente. Adoro tentar entender as loucuras da alma. Da minha e dos outros. E gosto de transformar isso em palavras, em frases e histórias. Hoje, sou colunista da Folha de S.Paulo, da revista GQ, roteirista de TV e dona do meu nariz. Todo conteúdo publicado no blog é de minha autoria. Fui editora da Folha de S.Paulo, da TV Globo, das revistas Women’s Health e Men’s Health, repórter de Veja, além de ter contribuído para veículos como O Estado de S.Paulo, revistas Nova, VIP, Viva Saúde entre outros. Dei minhas voltinhas no mundo da publicidade, produzindo conteúdo para Brastemp, Consul e Itaú.
Esse post foi publicado em Coisas do coração e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s